Os sonhos frustrados de 2013

Publicado em 30/12/2013

Sonhos frustrados 2013

 

* Reflexão, por André Cavallari

O ano de 2013 está chegando ao fim. Nele, muitos torcedores cearenses ficaram com “gostinho de quero mais”. Fortaleza, Ceará e Icasa deram esperanças aos seus torcedores, mas não conquistaram os seus objetivos no fim da temporada.

O Fortaleza tinha uma missão clara em 2013: conquistar o acesso para a Série B. Após a eliminação na Copa do Nordeste e no Campeonato Cearense, o leão apostou todas as suas fichas na Série C, mas acabou esbarrando no Sampaio Corrêa, diante de quase 60 mil espectadores na Arena Castelão.  O tricolor era o primeiro lugar do grupo, mas um erro fatal acabou custando a amarga eliminação ainda na primeira fase. E se o juiz tivesse acabado logo? E se aquela bola não tivesse desviado? E se fosse enfrentar o Betim? Esses “e se” vão ter que ficar para 2014, com mais resultados e menos especulações.

O Ceará conseguiu conquistar o tricampeonato estadual no início da temporada e entrou embalado na Série B. No entanto, o Vovô fez um primeiro turno muito rum e teve que correr atrás do prejuízo no returno. Sérgio Soares motivou o elenco e ajudou a equipe a encostar no G4. Até a última rodada o alvinegro cearense brigou pelo acesso. Contou com tropeços de Icasa e Figueirense, mas esqueceu que tinha que fazer a sua parte. O tropeço diante do Joinville acabou tirando o Vovô da primeira divisão em 2014. Os outros ajudaram, o Ceará que não se ajudou.

Já o Icasa, poderia ser a grande surpresa do ano e a alegria para os torcedores cearenses. Teve uma grande campanha na Série B, mas também acabou tropeçando nas duas rodadas finais e deixando a vaga escapar. Só dependia dele mesmo, mas não conseguiu fazer história.

E em 2014? Os elencos estão sendo formados, os objetivos estão sendo traçados e as esperanças dos torcedores estão sendo renovadas. Resta torcer para que o futebol cearense tenha grandes resultados no novo ano. Com títulos, acessos e grandes conquistas.

 

André Cavallari é estudante de jornalismo, repórter do esporte interativo e apaixonado por futebol

 .

LEIA MAIS:

COMPARTILHE:


COMENTE: