O moral como divisor de águas no Pici

Publicado em 30/04/2014

moral_dilemma_streetsign

A vitória na estreia tem peso e valor muito maiores do que os três pontos.

Começar a Série C vencendo fora de casa um adversário difícil, foi importante.

Um a zero contra o Salgueiro, em Pernambuco.

E o Fortaleza larga bem e vira a página sem deixar sequelas.

Me refiro a página escrita pelo clube no vice-campeonato estadual 2014.

O moral do grupo e seu treinador foi um divisor de águas.

Porque uma estreia com derrota colocaria mil interrogações no torcedor.

Deixaria os jogadores também em dúvida.

Perder o Cearense e o jogo seguinte, seria balançar as estruturas.

Ainda que nada disso estivesse acontecendo internamente.

Mesmo que esse papo de “crise” não passasse do portão no Pici.

Não se pode jogar fora todo o bom trabalho de Marcelo Chamusca.

Mas, futebol é resultado e os corneteiros de plantão estam sempre prontos..

COMPARTILHE:


COMENTE: